Slider



Quem viveu para ver, assistiu e ficou de boca aberta!

A edição 2015 do VMA tinha todos os ingredientes para fazer história e fez. Com uma temática televisiva que fez os fãs do canal morrerem de saudade da década de 90, a MTV soube inovar em mais uma premiação e mostrou que o VMA pode ser palco de polêmica e até mesmo de reconciliações.


A abertura ficou por conta da rapper Nicki Minaj com "Trini Dem Girls" que detonou não só na apresentação, mas com um figurino que gerou vários comentários no Twitter. Ela não só caprichou, mas resolveu mostrar que não há nenhuma briga com Taylor Swift e dividiu o palco com a cantora para cantar "The Night Is Still Young" e ainda deu uma brecha para "Bad Blood". Depois de tirarem o fôlego, foi a vez de Macklemore & Ryan Lewis se apresentarem no palco externo com "Downtown".



Com certeza, Miley Cyrus foi uma boa escolha da MTV para tocar a premiação. Além de inovar nos looks, a dona do twerk conduziu o VMA de um jeito tão descontraído, que foi possível ver fãs nas redes sociais pedindo a cantora em todas as edições. Ela teve dois momentos marcantes, sendo no início e no final da premiação. O primeiro, não muito bom, foi quando Nicki Minaj recebeu o astronauta de prata na categoria "Melhor Videoclipe Hip Hop" com "Anaconda" e, após discursar em agradecimento a sua pastora, se virou a Miley questionando-a sobre seus comentários na imprensa referentes a indicação ao VMA. Miley soube contornar a situação, mas os telespectadores perceberam o climão no palco.


As performances da noite também deram o que falar. The Weeknd botou todo mundo para dançar com "Can't Feel My Face"; Demi Lovato subiu ao palco com "Cool For The Summer" e ainda chamou sua amiga Iggy Azalea para acompanhá-la; Tori Kelly também chamou atenção com "Should've Been Us" assim como Pharrell Williams e seu novo single "Freedom", mas de todos eles, sem dúvida, Justin Bieber foi o mais aguardado e comentado com seu retorno a premiação se apresentando pela primeira vez com seu novo single "What Do You Mean?". O canadense até chegou a derramar algumas lágrimas, se tornando um dos momentos emocionantes do VMA.






E por falar em momentos emocionantes, não podemos nos esquecer do Kanye West. O rapper foi escolhido para ser homenageado pela premiação com o prêmio Michael Jackson Video Vanguard Award que foi entregue pela própria Taylor Swift para marcar o fim do mal entendido do VMA 2009 quando ele invadiu o palco e desmereceu sua vitória. O discurso de Kanye tomou vários minutos da premiação. Entre seus agradecimentos e comentários de sua carreira, o rapper aproveitou a oportunidade para falar sobre seu ocorrido com Taylor, criticar as premiações e até o próprio VMA por se aproveitar do momento para gerar audiência e anunciar que irá se candidatar à presidência dos Estados Unidos em 2020. Será que rola?


O final da premiação também deixou os telespectadores surpresos. Taylor Swift venceu a categoria principal da noite com "Bad Blood", conquistando assim, quatro astronautas de prata e se tornando a grande vencedora da premiação. O show de encerramento foi de Miley Cyrus. A cantora inovou e se apresentou com sua nova música "Doo It" ao lado de um grupo de drag queens e seu parceiro Wayne Coyne com quem tem trabalhado em novas canções. Para encerrar com chave de ouro, ela se despediu do público e anunciou seu novo álbum "Miley Cyrus and her dead petz"totalmente gratuito. Ouça AQUI!



Este não foi o único lançamento. Além do álbum, Miley também lançou o videoclipe de "Doo It". Justin Bieber aproveitou o momento de retorno e lançou o vídeo de "What Do You Mean?". Nick Jonas, que se apresentou no pré-show do evento com seu single "Levels", também entrou no embalo e lançou seu vídeo assim como Taylor Swift e "Wildest Dreams". Você confere os três aqui embaixo e também a lista completa dos vencedores da noite:






Clipe do Ano 
Taylor Swift - "Bad Blood (Feat. Kendrick Lamar)" 

Melhor Clipe Masculino 
Mark Ronson - "Uptown Funk (Feat. Bruno Mars)" 

Melhor Clipe Feminino 
Taylor Swift - "Blank Space" 

Melhor Clipe de Hip Hop 
Nicki Minaj - "Anaconda" 

Melhor Clipe de Pop 
Taylor Swift - "Blank Space" 

Melhor Clipe de Rock 
Fall Out Boy - "Uma Thurman" 

Artista Promissor 
Fetty Wap - "Trap Queen" 

Melhor Colaboração 
Taylor Swift - "Bad Blood (Feat. Kendrick Lamar)" 

Melhor Clipe com Mensagem Social 
Big Sean - "One Man Can Change The World (Feat. Kanye West & John Legend)" 

Melhor Direção de Arte 
Snoop Dogg - "So Many Pros" 

Melhor Coreografia 
OK Go - "I Won't Let You Down" 

Melhor Cinematografia 
Flying Lotus - "Never Catch Me" 

Melhor Direção 
Kendrick Lamar - "Alright" 

Melhor Edição 
Beyoncé - "7/11" 

Melhor Efeito Visual 
Skrillex & Diplo - "Where Are u Now (Feat. Justin Bieber)" 

Michael Jackson Video 
Vanguard Award Kanye West





© Copyrighted: OWN.Art Ideas - Todos os direitos reservados a Giovane Almeida